Hasta luego, Brasil!

mala-de-viagem

Oi gente, quanto tempo! (porque né, não estou postando com tanta frequência como antes 😦 ). Alias, este post será diferente dos demais, justamente porque vou contar um pouco sobre os últimos acontecimentos da minha vida que interferem no blog/página/insta/etc.

Para aqueles que querem informações importantes sem muita historinha, estas são as notícias:

  • Estou me mudando para Madri – Espanha, e ficarei um ano lá.
  • A loja virtual vai continuar funcionando normal. Eu administro tudo pela internet e minha mãe querida vai fazer as entregas ❤
  • A página de facebook da Matiza, o instagram e o blog vão continuar sendo atualizados regularmente! No máximo posso ficar duas semanas sem postar (que acredito que não acontecerá).
  • O motivo de estar indo morar fora é que farei um curso de um ano sobre Design de Superfície.
  • “Vai voltar??” Siimm, vou voltar pro meu Brasilzão quando acabar o curso 🙂

Agora para aqueles que gostam de saber os motivos e mais informações sobre tudo que resumi acima, chega mais!

Necessidade de mudança.

Desde que me formei em Design Gráfico, arranjei meu primeiro emprego numa empresa que cria produtos para presentes e decoração de forma divertida. Eu era a que cuidava de tudo que fosse estampado em qualquer tipo de produto, desde almofadas, aventais, bolsas, camisetas, estojos, pufes, cadeiras, porta-retratos, casinhas pra cachorro, bandanas, tigelas, coleiras, etc etc. Posso dizer que já estampei mais de 50 produtos diferentes. Fiquei nesse emprego até poucos meses atrás, quando resolvi dar uma mexida na minha vida.

Eu gostava do meu trabalho, no começo foi super interessante desenhar coisas no computador que depois “magicamente” viravam produtos, mas depois de quase 3 anos, minha atividade ficou muito repetitiva, sem contar que nada era criado ao meu gosto pessoal, e quase nunca era possível fazer alguma ilustração à mão. Sinceramente cada vez mais tenho aversão ao computador, e ter que usá-lo como ferramenta principal nas minhas criações me dá zero prazer. Foi por isso que criei em 2014 a página da Matiza, para poder experimentar de novo a ilustração manual. Alias, pouco tempo antes disso, eu já estava atrás de coisas diferentes e foi quando decidi fazer um curso de um dia sobre Estamparia com a queridíssima Patrícia Capella que veio do Rio de Janeiro para Floripa pela Zupy Academy.

Mas desde quando a estamparia era um interesse? Desde criança sempre amei estampas, mas nunca pensei nisso como profissão, no meu curso só teve uma aula optativa sobre o tema, que não serviu para nada, e fora isso nunca mais estudei nem vi nada sobre. Foi pela internet que fui descobrindo empresas que fazem esse trabalho e me dei conta que muita coisa era feita a mão, lindos desenhos em aquarela, copic, lápis de cor, para no fim formar incríveis estampas. Pensei que talvez essa poderia ser minha próxima profissão! E quando soube de um curso na minha cidade, já corri para testar, e apesar de ter sido muito rápido, consegui aprender o básico e me interessar mais pelo assunto.

A oportunidade.

IMG_20140726_185303

Eu sempre digo para as pessoas que eu sou muito “fresca” nas minhas escolhas. Na época do vestibular, enquanto a maioria tinha dúvidas sobre milhares de cursos, eu achava impossível fazer qualquer um que não fosse Design, Arte ou Psicologia (talvez nem esse, haha). Quando me formei em Design, eu poderia trabalhar com web, branding, gestão, hipermídia, marketing, etc etc, mas eu só aceitei trabalhar com algo mais relacionado com ilustração e estampa. E no momento que tomei a decisão que queria voltar a estudar e me aperfeiçoar, não encontrei nenhum curso no Brasil que fez meus olhos brilharem. Não quer dizer que não exista coisa boa, na área de estamparia tem vários cursos legais no Rio, inclusive o que mais me recomendaram foi o do Senai Cetiqt. Mas eu que sou “fresca”, não me contentei 100% com o currículo do curso. Foi então que um ano depois, rolando a timeline do facebook tediosamente que vi alguém comentando sobre um curso em Madri. E resolvi dar uma olhada.

O curso.

Fica na cidade de Madri na Espanha, na escola IED (Istituto Europeo di Design). Eles têm sede na Espanha, Itália e Brasil. Infelizmente (ou felizmente, sei lá) aqui não tem essa Pós de um ano que escolhi. Diferente de tudo que tinha pesquisado antes, quando olhei as disciplinas, o foco do curso e as oportunidades, me apaixonei na hora por tudo aquilo e sabia que era isso que eu queria. E o que mais me chamou atenção foi que o curso se divide em vestuário, decoração e papelaria. Sem contar que tem várias aulas de atividades manuais, como bordado!! (fiquei chocada). Mas pera-lá você que está lendo agora e pensa em fazer curso nessa área. Eu estou mostrando aqui MEU ponto de vista, por isso gosto de reforçar que sou fresca com escolhas, então o que para mim não é interessante, para você pode ser o lugar ideal! Pesquise bem antes de tomar qualquer decisão e vá de acordo com seus interesses 🙂 O curso que escolhi se chama Máster de Diseño Textil y  de Superficies, dura 9 meses, começa agora na metade de Outubro e vai até final de Julho de 2016. Ele é pago, mas felizmente eu já estava economizando faz tempo para viajar e estudar um ano de inglês no estrangeiro, então só redirecionei o dinheiro, hehe. Apesar do curso ser um investimento alto, o custo de vida em Madri se assemelha ao do Rio de Janeiro, e eu vou morar num lugar bem central, com museus, praças, universidades, tudo perto. Então abracei a oportunidade e resolvi investir em mim 🙂

E agora?

Agora agora, estou no aeroporto do Galeão escrevendo este post enquanto espero o vôo para Madri, hehe. Pois então, o blog vai sofrer algumas mudanças, no bom sentido! Para aqueles que vinham pela aquarela e as ilustrações, agora poderão acompanhar minhas aventuras pela estamparia. Se acharem interessante, posso fazer alguns posts contanto mais como é o curso, e também a vida artística aqui em Madri. A loja vai continuar com atualizações, talvez não tão frequentes, mas o funcionamento ficará o mesmo! Eeeee, morro de vontade de começar a fazer vídeos, então aguardem novidades 😀

Objetivos finais.

Para aqueles que ficaram confusos, tipo, “mas você já não tem uma loja? Já não trabalha com ilustração? Como a estamparia vai ser encaixar em tudo isso? O resto vai ser abandonado?” Nããooo… o que decidi pra minha vida é que não quero ficar sempre fazendo o mesmo. A estamparia apenas vai se juntar a tudo que já estou fazendo, e cada vez mais eu irei abrir meu leque para criações diversas, até onde minha imaginação deixar 🙂 Quero fazer cada vez mais produtos diferentes, mais livros, e o que vier!

Extra.

foto-florzinhas

Você que leu até aqui e está se sentindo inseguro com a vida, com sua profissão, curso ou o que seja e acha que tudo que contei foi muito bem calculado e naturalmente decidido, aviso que não. Eu estive em crise desde a época de caloura, até meses atrás eu ainda não fazia ideia do que fazer com a minha vida, e foi indo atrás de coisas diferentes que fui conseguindo me encontrar, e aos poucos as coisas vão aparecendo. Não que agora eu esteja com tudo resolvido, apenas estou em um momento de alívio mental e ansiosa pelas coisas novas que me esperam! Então não desanime 😀

E por enquanto é isso, minha gente.

Hasta luego!

Anúncios

18 comentários sobre “Hasta luego, Brasil!

  1. Parabéns, Luiza! Adoro e sigo seus trabalhos. Ainda não tive oportunidade de comprar um, mas o farei em breve. Desculpe-me a opinião, mas não acho que o adjetivo “fresca” seja adequado. Acredito que os adjetivos “decidida”, uma menina decidida, ou visionária, “uma menina visionária”, sejam os mais adequados para você 😉 Boa sorte! Muito esforço, empenho e dedicação.

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi Ana! Pois é, quando escrevi o texto pensei mil vezes que palavra podia colocar no lugar de “fresca”. Eu não me considero decidida porque realmente nunca sei o que quero, o que sim sei o que não quero. Por isso talvez o fresca seria mais bem alguém exigente. Sei lá, heheh. Obrigada pelo seu comentário! 🙂

      Curtir

  2. Luiza, nunca comentei no seu blog, mas antes de tudo, parabéns pela sua decisão! Adorei o seu texto, porque além de uma excelente (e talentosa) profissional, você demonstra coragem (enquanto muitos preferem viver a mesma vida de sempre).
    Tudo de muito bom em Madrid, eu já morei lá por 5 anos e simplesmente amo. Você vai adorar! Ah, e Madrid é caro, mas há lugares baratos, faça a sua compra no Mercadona, o supermercado mais barato da Espanha. Hahah

    Boa sorte!

    Curtido por 1 pessoa

  3. que maravilha, Luiza! deve ser bem legal fazer um curso no exterior. É outro nível. Esses dias mesmo eu estava conversando com uma colega sobre como os cursos superiores aqui no Brasil são fracos. Os professores não são capacitados, e não exigem o suficiente. :/ E digo isso com propriedade de quem já cursou duas graduações, e mais uma especialização, todos em instituições diferentes. :S e tive a mesma impressão! Enfim, eu tive a oportunidade de viajar pra Espanha, há dois anos, fiquei em Barcelona, e visitei Madrid também. É maravilhoso! Quisera eu poder morar lá por um ano. T__T mas eu também voltaria para o Brasil, sabe? Enfim, boa sorte com o curso, e divirta-se! Vou ficar esperando por fotos da Espanha aqui xD Ps: as florzinhas ficaram lindas *_* aproveite bem o curso! ❤

    Curtido por 1 pessoa

    • Pois é Bia, eu também não considero nosso ensino muito bom…. são raros os cursos que se destacam no Brasil, e na parte artística até acho mais difícil. Muito obrigada pelo seu comentário! ❤ Postarei fotos no meu instagram 😀

      Curtir

  4. Que legal teu texto Lú, e que massa esse curso! Acho que quem ilustra tem vontades de ilustrar livros e tecidos e com certeza vai se identificar com o que escrevesses (tipo eu :D). Boas viagens pra ti! Acho que essas nossas indecisões profissionais são (tbm) o que nos movem e fazem a gente evoluir. Que encontres muitas pessoas e ocasiões legais que gerem expansões de consciência 🙂 upas!

    Curtido por 1 pessoa

  5. Que massa, Luiza! Não conhecia esse seu lado (só a parte de ilustras cacheadas mesmo), e achei muito legal. Me interesso pelo lado da estamparia e acho que vou gostar de acompanhar (e, quem sabe, aprender um pouco) com essa sua experiência. Que seja muito proveitoso por você! Tenho certeza que poderá agregar ainda mais ao seu trabalho. 🙂

    Curtido por 1 pessoa

  6. Olá Luiza!! acompanho seu trabalho a pouco tempo e já sou fã! não só pelas suas ilustras lindas mas pelo seu olhar poético! Coincidentemente também sou de Florianópolis, também sou uma cacheada (com mt orgulho!), também cai nos braços da estamparia (já trabalho com isso a mais de 1 ano) e também quero fazer o curso de Máster de Diseño Textil y de Superficies na IED!!!
    Quando cai nesse seu post fiquei chocadaaa! hehe
    Por favor nos deixe informada sobre como é o curso, o custo de vida e as oportunidades para o design de estampas na Espanha e na Europa. Tenho algumas dúvidas que gostaria de lhe perguntar por email, posso??
    Que essa sua nova caminhada seja repleta de descobertas lindas e que lhe traga mt inspiração para novos trabalhos!
    Boa sorte!!!
    Abraços ❤

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi Bruna! Que coincidência de vida! hahaha Vou contar coisas do curso com certeza, não se preocupe 🙂 E pode me mandar email a vontade! Que alias, talvez eu também queira tirar umas dúvidas contigo, já que minha experiência na estamparia ainda é mínima, hehe. Muito obrigada por escreve! Beijão!! ❤

      Curtir

  7. Olá!
    Eu nem conhecia seu blog, descobri pelo blog da Estampaholic que me AJUDOU HORRORES pro meu TCC. Avistei também seu post com o Miolito pelo insta deles, mas não acessei por lá.
    Daí trombei com esse post e senti uma “luz” que tava precisando. Pera, acho que você deve estar perdida com todas as essas infos.. hehe

    Tenho 22, acabei de me formar em Design de Moda e meu tcc foi todo de estamparia autoral manual. Durante a faculdade tive um azar danado porque não encontrei nenhum estágio na área. Fiz um estágio freela na Lucy in The Sky como assistente da estilista… mas vi que não era aquilo que queria seguir porque estava MUITO maçante. (entrei na faculdade querendo ser estilista, me formei e quero a área de estamparia). E o mais engraçado é que durante MUITO tempo eu queria fugir da área de estamparia. Meu professor de Mkt insistia para eu ir atrás disso. E minha mãe trabalhou na área durante um tempo….. E, acho que tá no sangue né?
    ~ E desde que me formei não consigo encontrar NADA na área, com essa crise tá muito difícil que até desanima.

    Tá. E durante esse tempo, quero aproveitar para ver se volto a estudar alguma língua porque penso em futuramente ir fazer algum curso de estamparia fora do BR. Inicialmente, estava de olho em voltar à estudar inglês (para ir à Londres) ou estudar Italiano (para Florença) porque pelo o que vi, estamparia é o forte de lá. Mas nunca me senti TÃO perdida. >.< Como também estou desistindo de trabalhar na área pelos 'nãos' de coleção que ando fazendo, e trabalhar em loja pra não ficar parada. Além de uns mini freelas que ando fazendo…

    Enfim. Acho que era o Destino teu blog aparecer na minha vida agora, pra inspirar e ver o que faço da minha vida.

    Só sei que a última coisa que vou desistir na minha vida é aquarela e arte. Nunca me senti tão bem acolhida com elas, em me expressar: tanto para projetos pessoais de forma intuitiva, estudos e projetos que ando fazendo….

    ~ APROVEITA QUE TÁ EM MADRI E VEJA TUDO RELACIONADO AO CONRAD ROSET divo! ❤ ❤ eu piro nesse cara meus olhos brilham as mina pira! ♥ heuheuheeuh e compra o livro dele também SEM OR *————-* ~ TÁ, parei.

    Ana Blue 😉
    9dadesasolta.com

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi Ana! Desculpa demorar em te responder. Nossa, estou muito lisonjeada em ter te ajudado de tantas maneiras 🙂 Sobre os cursos no exterior, na Itália e principalmente na Inglaterra estão os melhores, porém se tu der uma pesquisada vai ver que os preços são super altos. Acabei escolhendo o da Espanha porque foi o melhor custo-benefício. O curso que estou fazendo é bem interessante e o custo de vida aqui é mais baixo que nos outros lugares da Europa.

      Obrigada pela dica! Reconheci o trabalho do Conrad Roset, mas não sabia que era dele. Vou investigar por aqui 🙂

      Espero que você continue se inspirando por aqui, e que se encontre na vida (que na verdade estamos todos na mesma haha).

      Beijão!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s